terça-feira, 9 de agosto de 2011

SOBRAS



"Sobras são coisas chatas, pra umas pessoas. Aquele fundinho de doce – de abóbora, humm! – que vai pra geladeira e ninguém mais quer. Que acaba secando e estragando. Mas sobras não nascem do nada. As sobras nascem da ação das pessoas. A gente comprou além do que usou. A gente cozinhou mais do que deu conta de comer. Depois reclama daquilo. É até um jeito de o povo ter assunto: reclamar. Mas eu digo uma coisa, a gente precisa parar de reclamar (de tudo, no geral), mas principalmente parar de reclamar do que a gente mesmo fez. Tá cheio de sobras dentro da gente. Sobras de tristezas, sobras de despeito, sobras de irritação. Sobras de lembranças que já são ou ficaram ruins com o tempo (sobra pode estragar mesmo dentro da geladeira). Aí, destampa lá uma vasilha que tá guardada faz tempo e vem aquele “perfume” de azedo!! … Que isso quer dizer? Que azedou, filha! Sinto muito, mas tá na hora de mandar embora e de limpar a sujeira. As coisas dentro de você, também. Se tem uma lembrança muito velha ou mesmo recente (tem comida que estraga logo), que toda vez que você abre a geladeira – que olha pro seu mundo interior – ela cheira mal, traz uma sensação ruim, empesteia sua vida com uma fedentina que não deixa ver o lado bom das coisas e das pessoas, tá na hora de tirar fora. Aquilo não ta prestando pra nada, só pra estragar a possibilidade de desfrutar o que é bom e de se abrir pros sabores e aromas novos. É uma bronca de mãe, é uma palavra de pai ou de “ex-amor”, é uma decepção no trabalho ou com amiga ou amigo… não importa, aquilo não tá servindo e nem vai servir pra nada. Quem tinha que comer já comeu. Agora solta, libera, joga fora! As pessoas estão aí pra dar e receber o bem. Ocê e os outros, todo mundo tá aí pra isso. Acredite, isso que eu tô dizendo é o caminho da felicidade que todo mundo quer e poucos conseguem achar."


*Desconheço a autoria

Um comentário:

  1. Esse foi um presentinho do meu querido amigo Ma... bjs pra vc querido!!!

    ResponderExcluir